Vida de Estudante

Acelere seus resultados! Conheça 5 técnicas de estudo

Estudar é uma arte que exige esforço, dedicação, tempo e disciplina. As pessoas precisam ter foco e abster momentaneamente das atividades recreativas, disponibilizar um horário para os estudos e manter uma rotina estudantil – principalmente se o seu foco for passar no vestibular.

O aprendizado de um conteúdo envolve a habilidade para interpretar, fixar e armazenar na memória os conhecimentos adquiridos. Além disso, é preciso acessar mentalmente essas informações no momento oportuno.  

A produtividade nos estudos envolve a prática de assimilar uma grande quantidade matéria ou em menor tempo. Uma das estratégias para aumentar o rendimento nos estudos é usar ferramentas que facilitam o aprendizado.

Apresentamos a seguir cinco técnicas de estudos para aumentar a produtividade.

1. Utilize técnicas de estudo mnemônicas

As técnicas mnemônicas consistem em aprender um conteúdo de forma lúdica e divertida. Desta forma, são elaborados jargões, músicas, histórias e siglas para aprender novos conceitos.

Esses métodos acessam áreas cerebrais diferentes e promovem maior conexão sináptica, facilitando a retenção de informações.   

2. Resolva exercícios para fixação

Você só irá perceber se assimilou a matéria se conseguir resolver os exercícios propostos.  Faça um resumo antes, veja os exercícios e identifique quais tópicos da matéria estão sendo cobrados.

A resolução de exercícios envolve não somente o conteúdo proposto, mas também outras habilidades, tais como interpretação de textos, elaboração de cálculos (quando for o caso) e domínio do português e da gramática para responder adequadamente à pergunta.

E depois de conferir as respostas com os colegas e professores, é importante observar os erros, para melhorá-los, e os acertos, para motivar-se ainda mais.

3. Faça autogravação do conteúdo estudado

Se você gosta de estudar em voz alta, lendo o conteúdo dos livros e cadernos, talvez seja interessante gravar áudios dos seus estudos. O indicado é que, após a leitura do conteúdo, você grave o que você entendeu da matéria de forma resumida.

Isso é ótimo para estimular a sua capacidade de síntese e memorização. Além disso, você poderá ouvir o áudio onde e quando quiser, antes de fazer a prova.

4. Faça uma pausa após duas horas de estudo

Nosso cérebro consegue assimilar informações até certo ponto. Depois disso, ocorre a saturação dos estímulos e a pessoa não consegue concentrar mais.

O ideal é fazer uma pausa depois de duas horas de estudos. Um cochilo de quinze minutos é recomendável para desacelerar a mente, além de ajudar a reter as informações. Este fato é cientificamente comprovado além de ser relaxante. Só não vá se esquecer de colocar o celular para despertar!

5. Identifique sua melhor forma de estudar

Algumas pessoas se concentram mais em um ambiente calmo, outras preferem uma música erudita ao fundo. Existem aqueles indivíduos que optam por fazer resumo das matérias e ainda os que ouvem apenas as explicações do professor.  Grifar os trechos mais importantes ou estudar em grupo também são técnicas utilizadas.

Descubra qual técnica é mais eficiente para você e invista nela. Cada pessoa necessita de estímulos diferentes e possui capacidade distinta para absorver informações.

As técnicas de estudos são ferramentas para consolidar o conteúdo e acelerar os resultados. A identificação da melhor estratégia depende da escolha do indivíduo, do tempo disponível, da disciplina e organização.  Portanto, analise as opções deste texto e selecione a técnica mais adequada para você.

Qual técnica de estudo você utiliza mais? Conhece outras técnicas além destas apresentadas aqui? Compartilhe com a gente nos comentários abaixo!

You may also like
5 atividades complementares na faculdade que vão ajudar na carreira
5 dicas de alimentação para estudantes que você precisa conhecer!
Saiba como é a rotina de um residente em Medicina

Deixe seu comentário

Seu comentário*

Nome*
Site

Share This