Vestibulando

Como escolher uma profissão: 5 dicas para acertar na escolha

Algumas pessoas têm a sorte de saber desde sempre o que gostariam de fazer por toda a vida. Outras, precisam de mais tempo para fazer a escolha, o que gera muita ansiedade por receio de tomar uma decisão errada. Essa escolha passa por um processo de autoconhecimento e também de reconhecimento daquilo que você já viveu, de quais são seus valores e de suas expectativas enquanto profissional.

Se está pensando em escolher uma carreira, vale a pena ler o post a seguir em que damos algumas dicas de como escolher uma profissão. Veja só:

1. Escolha algo que você gosta

Parece estranho pensar em escolher algo de que goste, já que nem sempre é possível adequar os gostos com a profissão que deseja seguir. Mas, o fato é que você deve sempre pensar que, seguindo a carreira escolhida, terá de fazer este trabalho diariamente. Dessa forma, seria mais fácil apostar em algo que gostaria de fazer, não é mesmo?

Pense em sua história, nas coisas que nunca conseguiu deixar de fazer, nas ideias em que acredita e se você se enxerga em determinada posição e tendo aquele ambiente de trabalho como rotina. 

2. Pesquise o mercado

Além de identificar os seus gostos, é importante procurar saber se o mercado está aquecido para a profissão escolhida. Verifique se a demanda é recente ou se é uma profissão que sempre foi estável.

Mas, lembre-se, é possível que o mercado mude nos próximos anos. Isso significa que não se deve usar esta dica como único critério de escolha.

3. Fale com profissionais que atuam na área 

Se já tem uma ideia do que pretende fazer, converse com vários profissionais da área. Pergunte sobre a rotina de trabalho, sobre a faixa salarial, mas também sobre as dificuldades que encontraram com a escolha da carreira.

Não deixe de conhecer todos os lados da profissão, pois isso ajudará a definir se está disposto a encarar os prós e os contras que existem em todas as áreas.

4. Pesquise as opções de universidade 

Procure saber em quais instituições poderia estudar, como é o processo de seleção de cada uma delas, quais são as disciplinas que precisará cursar e qual o tempo de duração do curso.

Se possível, visite a universidade e tente conversar com professores e alunos para conhecer melhor o curso e as oportunidades que podem surgir dentro da própria instituição, como estágios e auxílios que algumas instituições costumam oferecer.

5. Entenda que não é, necessariamente, para a vida toda

Como diz a máxima: errar é humano. Pode ser que você não faça a escolha mais adequada e que perceba isso nos primeiros anos de faculdade. Se for este o caso, não fique angustiado, achando que precisará suportar por toda a vida uma carreira com que não se identifica.

É possível prestar novamente o processo seletivo, ou, se for o caso, realizar transferência dentro da própria universidade ou de uma universidade para outra. Não é perda de tempo. O processo de escolha da carreira é diferente de pessoa para pessoa.

Quer continuar acompanhando conteúdos sobre como escolher uma profissão? Curta a nossa página no Facebook!

You may also like
Como passar em Medicina?
Graduação tecnológica: como melhorar o mundo com sua profissão?
Por que a interpretação é a chave para ir bem nas provas do vestibular?

Deixe seu comentário

Seu comentário*

Nome*
Site

Share This