Carreira

Como montar o primeiro currículo? Conheça 5 erros comuns!

Dar início à vida profissional definitivamente não é tarefa fácil. Para ter maiores chances, é preciso considerar sua apresentação formal às empresas que possam ter interesse na sua contratação. Neste caso, falamos especificamente do primeiro currículo, o documento que reúne as principais informações relativas ao candidato e que faz toda a diferença dentro de um processo de seleção.

Se você está em busca de informações para turbinar o seu currículo e dar início a uma excelente carreira, é preciso conhecer fundamentalmente os principais erros que costumam prejudicar os candidatos. Então, confira aqui e evite-os!

1. Apresentar experiências desnecessárias

O primeiro erro a ser considerado é colocar no currículo coisas que nada têm a ver com a vaga em questão. Se você participou de grupos no colégio, em seu bairro ou no clube, isso pode ser interessante do ponto de vista pessoal e, dependendo do caso, a atividade pode até mesmo ser citada, mas desde que a experiência seja conveniente com a vaga.

Por exemplo, quando você participou de algum trabalho voluntário que tem a ver com a oportunidade de emprego. Do contrário, procure ser objetivo, evitando entregar um documento longo e cheio de informações desnecessárias.

2. Supervalorizar sua formação

Você é jovem e, naturalmente, ainda não tem tanta qualificação para impressionar seu selecionador. Ele sabe disso e, em muitos casos, é justamente alguém assim que ele procura. É importante que você entenda que, para conquistar as melhores vagas, ou seja, ter acesso aos melhores salários, é preciso muito estudo.

Entretanto, há espaço no mercado para quem procura ganhar experiência e é este espaço que você pode ocupar inicialmente.  Para tanto, é importante demonstrar energia e boa vontade para aprender. Quando você supervaloriza sua formação, dá a entender que está em busca de algo que a empresa não está oferecendo e pode acabar perdendo a vaga.

3. Não revisar o texto

Um erro muito comum e que cada vez mais prejudica os candidatos é entregar o currículo antes de conferir se tudo está em ordem. A revisão é importante porque, se você cometer algum erro, é altamente provável que o selecionador desconsidere sua candidatura.

Lembre-se que ele está avaliando centenas de outros candidatos, assim, qualquer fator pode se tornar um critério para que ele diminua o número de concorrentes.

4. Não inserir informações indispensáveis

Um currículo é basicamente um documento em que o candidato entrega o resumo de suas experiências pessoais e profissionais, para que os responsáveis pela vaga oferecida tenham um parâmetro para solicitar a entrevista que acontecerá posteriormente.

Para que um currículo seja bem feito, é essencial que ele apresente informações mínimas sobre o candidato, tais como nome completo, endereço, telefone e idade, assim como experiência, grau de escolaridade e objetivos.

Do contrário, ele não terá como avaliar de maneira correta a candidatura. Evite esse erro e concentre-se nas informações essenciais.

5. Mentir no primeiro currículo

Por fim, a dica é falar sempre a verdade. Mentir é algo que, mesmo que funcione em um primeiro momento, fazendo com que você seja selecionado para a entrevista, pode causar um problema maior futuramente, pois, quando o selecionador conversar com você, ele saberá que suas qualificações não condizem com a realidade.

Pior: ainda que você consiga ser aprovado no processo de seleção, certamente encontrará problemas no dia a dia de trabalho e fatalmente perderá o emprego. Não caia nesse erro e seja sempre sincero!

Pronto! Esses foram alguns dos erros para você evitar ao montar o seu primeiro currículo. Se você tem alguma dúvida sobre isso, conta pra gente nos comentários.

You may also like
Quais as áreas de atuação do profissional de odontologia?
Como fazer um mapa mental? Veja a técnica que vai facilitar sua rotina de estudos
Quais as melhores áreas da engenharia para ingressar no mercado de trabalho?

Deixe seu comentário

Seu comentário*

Nome*
Site

Share This